Departamento De Estado Dos Eua
Escritório Do Porta-voz
Declaração De Matthew Miller, Porta-voz
26 de janeiro de 2024 

Os Estados Unidos estão extremamente preocupados com as alegações de que 12 funcionários da UNRWA poderiam estar envolvidos no ataque terrorista do Hamas, em 7 de outubro, contra Israel. O Departamento de Estado suspendeu temporariamente o financiamento adicional para a UNRWA enquanto analisamos essas alegações e as medidas que as Nações Unidas estão tomando sobre a questão.  

O secretário de Estado dos EUA, Antony J. Blinken, conversou com o secretário-geral das Nações Unidas, Antonio Guterres, em 25 de janeiro, a fim de enfatizar a necessidade de uma investigação completa e rápida desse assunto. Saudamos a decisão de conduzir tal investigação e o compromisso do secretário-geral Guterres de tomar medidas decisivas para responder, caso as alegações sejam verdadeiras. Saudamos também o anúncio da ONU de que uma revisão “abrangente e independente” será feita na UNRWA. Todos os que participaram nos hediondos ataques de 7 de outubro devem ser totalmente responsabilizados.  

A UNRWA desempenha um papel fundamental na prestação de assistência vital aos palestinos, incluindo a provisão de alimentos essenciais, medicamentos, abrigo e outros apoios humanitários vitais. O trabalho da agência tem salvado vidas e é importante que a UNRWA aborde essas alegações e tome quaisquer medidas corretivas apropriadas, incluindo a revisão de políticas e procedimentos existentes.  

Os Estados Unidos entraram em contato com o governo de Israel visando obter mais informações sobre essas alegações e membros do Congresso têm sido informados sobre a questão. Permaneceremos em contato próximo com as Nações Unidas e o governo de Israel para discutir este assunto.  


Veja o conteúdo original: https://www.state.gov/statement-on-unrwa-allegations/   

Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.

U.S. Department of State

The Lessons of 1989: Freedom and Our Future