Departamento de Estado dos Estados Unidos
Gabinete do Porta-Voz
Informativo
8 de junho de 2022

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos, com o apoio do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, anuncia o fórum multissetorial anual Americas RISE for Health. O Departamento de Estado dos EUA anuncia o Diálogo de Economia e Saúde das Américas, exclusivo para governos. Juntos, os dois mecanismos reforçarão a resiliência das economias e ecossistemas de saúde do hemisfério.

Hoje, às vésperas da Nona Cúpula das Américas, em Los Angeles, o vice-secretário de Comércio dos EUA, Don Graves, e o subsecretário de Estado para Assuntos Econômicos, Crescimento, Energia e Meio Ambiente, José W. Fernandez, anunciaram que os Estados Unidos estabelecerão mecanismos complementares para resiliência das economias e ecossistemas de saúde do hemisfério. Este anúncio representa um esforço inédito que permitirá que os governos, o setor privado e a sociedade civil da região foquem em desafios e oportunidades compartilhados para construir economias e ecossistemas de saúde resilientes, inclusivos, sustentáveis e equitativos.

O Americas RISE for Health, convocado pelo Departamento de Comércio dos EUA, com o apoio do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, aproveitará os pontos fortes coletivos do setor privado e da sociedade civil da região e fará parcerias com os governos da região para tornar as cadeias de suprimentos do hemisfério mais resilientes, permitir que soluções de saúde digital alcancem populações carentes, acelerar melhorias regulatórias, reduzir barreiras comerciais e de investimento ao financiamento da saúde, criar ambientes éticos para que as economias da saúde possam prosperar e abordar outras áreas de necessidade.

O Diálogo de Economia e Saúde das Américas (EHA, na sigla em inglês), convocado pelo Departamento de Estado dos EUA, estabelecerá uma série de reuniões oficiais apenas para o setor para aumentar a vontade política e os compromissos nos setores de saúde e economia necessários para fortalecer os sistemas de saúde pública nas Américas, iniciar a colaboração entre os países da região através dos ministérios de relações exteriores, saúde, economia, comércio e organizações regionais especializadas. O EHA apoiará os governos da região na coordenação da prevenção, preparação e resposta à pandemia; identificará e alavancará as melhores práticas no setor público para incluir avaliações de lacunas de saúde, orçamento sustentável de saúde e prestação de serviços eficaz para apoiar a resiliência e a recuperação econômica; promoverá práticas anticorrupção para aumentar a eficiência; e construirá sistemas de saúde mais resilientes. Trabalhando em coordenação com o Diálogo Empresarial das Américas, o EHA fornece uma plataforma exclusiva para governos e estados membros para permitir que os governos avaliem ações concretas específicas de cada país para a reforma de políticas que permitiriam uma maior participação do setor privado e da sociedade civil nas economias de saúde da região, além de mais oportunidades de investimento.

A coordenação desses dois mecanismos vinculará os governos às partes interessadas, civis e privadas, para ajudar a cumprir os objetivos do governo Biden-Harris de construir um hemisfério resiliente e reforçar a resiliência econômica e as oportunidades nas Américas.

Para obter mais informações, entre em contato com: E_Communications@state.gov.


Veja o conteúdo original: https://www.state.gov/the-united-states-establishes-complementary-mechanisms-to-bolster-resiliency-of-the-hemispheres-health-economies-and-ecosystems/

Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.

U.S. Department of State

The Lessons of 1989: Freedom and Our Future