Departamento de Estado dos Estados Unidos
Declaração para a Imprensa
Secretário de Estado, Antony J. Blinken
12 de outubro de 2022

À medida que o Haiti enfrenta um ressurgimento mortal de cólera, agentes malignos continuam financiando e fomentando a violência, assim como bloqueando o fornecimento de combustível e o acesso da assistência humanitária que salva vidas. Hoje, estamos anunciando novas medidas para fornecer o apoio necessário ao povo do Haiti e responsabilizar aqueles que continuam fomentando a violência.

No momento, nossa equipe está no Haiti, trabalhando ao lado de profissionais de saúde e ONGs haitianas para responder ao surto de cólera e prestar assistência a quem precisa. Aceleraremos a entrega de ajuda humanitária adicional ao povo do Haiti.

Também estamos trabalhando para aumentar e enviar nos próximos dias assistência de segurança à Polícia Nacional do Haiti para fortalecer sua capacidade de combater gangues e restabelecer um ambiente de segurança estável sob o estado de direito.

Também estamos anunciando uma nova política de restrição de vistos sob a seção 212(a)(3)(C) da Lei de Imigração e Nacionalidade contra funcionários haitianos e outros indivíduos envolvidos na operação de gangues de rua e outras organizações criminosas haitianas que ameaçam os meios de subsistência do povo haitiano e estão bloqueando o apoio humanitário que salva vidas. Tais ações também podem se aplicar aos familiares imediatos desses indivíduos.

Neste momento, o Departamento de Estado está identificando um grupo inicial de indivíduos e seus familiares imediatos que podem estar sujeitos a restrições de visto sob esta política. Nossa intenção ao impor essas restrições de visto é demonstrar que há consequências para aqueles que instigam a violência e a agitação no país, enquanto continuamos apoiando os cidadãos, organizações e servidores públicos do Haiti que estão comprometidos em gerar esperança e oportunidade para que sua nação tenha um futuro melhor.

Com base na resolução 2645 do Conselho de Segurança da ONU, elaboramos com o México, um parceiro próximo e coautor, uma resolução propondo medidas de sanções específicas para permitir que a comunidade internacional enfrente os muitos desafios enfrentados pelo povo do Haiti. Apresentamos esta resolução na semana passada e estamos negociando com outros membros do Conselho de Segurança da ONU antes da votação.

Com essas e outras ações, que iremos expor nos próximos dias e semanas, enviamos uma mensagem clara de que os Estados Unidos continuarão apoiando o povo haitiano durante este período crítico.


Veja o conteúdo original: https://www.state.gov/steps-to-address-the-humanitarian-and-security-situation-in-haiti/

Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.

U.S. Department of State

The Lessons of 1989: Freedom and Our Future