An official website of the United States Government Here's how you know

Official websites use .gov

A .gov website belongs to an official government organization in the United States.

Secure .gov websites use HTTPS

A lock ( ) or https:// means you’ve safely connected to the .gov website. Share sensitive information only on official, secure websites.

Casa Branca
Para divulgação imediata
2 de novembro de 2021

Campus do evento na Escócia
Glasgow, Escócia

1:36 P.M. GMT

O  PRESIDENTE:  Bem, é muito fácil acompanhar a Úrsula. Eu creio que ela explicou tudo isso bem na primeira vez.

Veja, eu serei breve, muito breve. Gostaria de agradecer a Úrsula, e agradecer muito a todos que estão aqui hoje, por terem assinado esse compromisso para mudar o jogo.

Uma das coisas mais importantes que podemos fazer — e continuo me referindo a, como fazem muitos de vocês, esta década decisiva. Temos que compreender o que iremos fazer. Não é apenas entre hoje e o ano de 2050. O que fizermos entre hoje e o ano de 2030 impactará significativamente o que nós — se nós seremos capazes de cumprir nosso compromisso de longo termo.

Uma das coisas mais importantes que podemos fazer nesta década decisiva é — para manter os 1,5 graus ao alcance — é reduzir nossas emissões de metano tão rápido quanto possível.

Como já foi declarado, ele é um dos mais potentes gases de efeito estufa que existe. Ele é responsável por aproximadamente metade — metade do aquecimento que estamos experimentando hoje — apenas a exposição de metano.

Portanto, estamos nos comprometendo coletivamente a reduzir nossa [emissão de] metano em 30 por cento, até 2030. E eu creio que podemos superar essa meta.

Anunciamos recentemente esse pacote na Assembleia Geral, em setembro passado. Naquele momento, foi mencionado que nove países firmaram o compromisso.  Hoje, temos mais de 80; alcançando quase 100 países signatários.  Isso corresponde a quase metade do metano global — emissão de metano — ou 70 por cento do PIB mundial.

E não — isso fará uma enorme diferença. E não apenas no que se refere ao combate à mudança climática, conforme Úrsula indicou — a saúde física dos indivíduos e uma ampla gama de outros aspectos.  Isso melhorará a saúde, reduzirá a asma, as emergências relativas a problemas respiratórios. Isso melhorará o suprimento de alimentos, além de diminuir a perda de lavouras e a poluição do solo. E isso estimulará nossas economias, reduzirá os gastos das empresas, reduzirá os vazamentos de metano, capturando o metano para transformá-lo em novos segmentos de renda, além de criar empregos sindicalizados com boa remuneração para os nossos trabalhadores.

Estamos falando — estamos falando em empregos na manufatura de novas tecnologias para detecção de metano; empregos sindicalizados para ajustadores e soldadores que selarão os poços abandonados de petróleo e repararão os vazamentos nos oleodutos, e existem milhares de milhas desses.

Essa tem sido a base — o compromisso fundamental do meu governo desde o início. Trata-se de algo que nós — eu prometi durante a campanha. Hoje, eu estou anunciando as próximas etapas para redução de emissão de metano nos EUA.

Estamos propondo duas regras novas. Uma através da nossa Agência de Proteção Ambiental (EPA) que reduzirá as perdas de metano pelos oleodutos e gasodutos novos e antigos. Outra através do Departamento de Transporte para reduzir o desperdício e os possíveis vazamentos perigosos nas linhas de gás natural. A competência deles se estende sobre aquelas áreas.

Estamos também lançando novas iniciativas para trabalhar ao lado dos nossos agricultores e nossos pecuaristas, na introdução de práticas climáticas inteligentes de agricultura e que reduzem a emissão de metano nas fazendas, que também são fontes significantes.

Tudo isso faz parte da nossa nova estratégia de metano, focada na redução das maiores fontes de emissão de metano, enquanto coloca milhares — milhares — de trabalhadores especializados em empregos em todos os Estados Unidos e, eu espero, nos seus países também.

Portanto, permitam-se encerrar novamente reiterando que isso não é apenas algo que temos de fazer para proteger nosso meio ambiente e nosso futuro, trata-se de uma grande oportunidade — enorme oportunidade para todos nós, todas as nossas nações, de criar empregos, e também fazendo da conquista de nossas metas climáticas a parte central da recuperação econômica global.

Os Estados Unidos estão ansiosos para trabalhar com cada um de vocês para assegurar que nós alcancemos essas metas e incentivemos outros países — mais países — a se unirem a nós no compromisso de reduzir [a emissão de] metano mundialmente, pois existem outros que podem e deveriam unir-se a nós.

Então, eu gostaria de agradecer novamente. Muito mais a ser dito, mas muito disso já foi dito. Mas, agradecemos a sua parceria. Agradecemos a sua ambição.

Agora, eu devolvo a palavra ao Secretário Kerry, creio eu. Ele ainda está aqui? Aí está ele.

E eu agradeço muito a todos vocês. (Aplausos)

01:41 P.M. GDT


Veja o conteúdo original: https://www.whitehouse.gov/briefing-room/speeches-remarks/2021/11/02/remarks-by-president-biden-at-an-event-highlighting-the-progress-of-the-global-methane-pledge/

Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.

U.S. Department of State

The Lessons of 1989: Freedom and Our Future