Departamento de Estado dos EUA 
Escritório do Porta-Voz 
Pronunciamento 
8 de janeiro de 2024 

Al ‘Ula, Arábia Saudita 

SECRETÁRIO BLINKEN:  Bem, boa noite a todos. Acabamos de terminar o terceiro dia de uma viagem que até agora nos levou da Turquia à Grécia, à Jordânia, ao Qatar, aos Emirados Árabes Unidos e nos trouxe aqui na Arábia Saudita. Em todos os lugares onde estive, encontrei líderes determinados a impedir que o conflito que enfrentamos agora se alastre, fazendo todo o possível para impedir a escalada, para evitar a extensão do conflito. Também falamos sobre o futuro desta região, e penso que há um amplo consenso sobre alguns objetivos básicos: primeiro, que Israel e israelenses possam viver em paz e segurança, livres do medo de ataques terroristas ou de agressões de qualquer um de seus vizinhos; segundo, que Cisjordânia e Gaza deveriam se unir sob uma governança liderada por palestinos; terceiro, o futuro da região precisa ser de integração e não de divisão, e não de conflito; e quarto, para que isso aconteça, precisamos ver o estabelecimento de um Estado palestino independente.  

Agora, ninguém com quem conversei acredita que será fácil. Todos reconhecem os obstáculos e ninguém imagina que algo acontecerá da noite para o dia. Mas concordamos em trabalhar em conjunto e coordenar nossos esforços visando ajudar Gaza a se estabilizar e se recuperar, a traçar um caminho político para os palestinos e a trabalhar em prol da paz, da segurança e da estabilidade no longo prazo na região como um todo.  

Também descobri que nos países que visitamos, em todos os sentidos, os líderes com quem convivemos, estão preparados para assumir os compromissos necessários a fim de tomar decisões difíceis e fazer avançar todos esses objetivos, essa visão para a região.   

Nós seguimos agora para Israel, onde terei a oportunidade de compartilhar com líderes israelenses tudo o que ouvi até agora nesta viagem, e também de falar com eles sobre a futura direção de sua campanha militar em Gaza. Insistirei no imperativo absoluto de fazer mais para proteger os civis e de fazer mais visando garantir que a assistência humanitária chegue às pessoas que dela necessitam. É claro que também vamos concentrar maior atenção em nossos esforços incansáveis para trazer de volta os reféns — americanos, israelenses e outros. E falaremos sobre como vemos o futuro da região e de Israel. E estou convencido de que existe um caminho futuro que pode realmente trazer paz e segurança duradouras para Israel, que pode garantir que os acontecimentos de 7 de outubro nunca mais se repitam, e que pode unir a região, que consegue satisfazer as aspirações do povo palestino, e fazer isso de uma forma que torne esta região focada no futuro e não nos desafios do passado.  

Com isso, fico feliz em responder algumas perguntas.   


Veja o conteúdo original: https://www.state.gov/secretary-antony-j-blinken-remarks-to-the-press-20/ 

Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.

U.S. Department of State

The Lessons of 1989: Freedom and Our Future